1.10.16

A Luta por um Ideal


24 filmes para 2016Tema: Mulheres

A Luta por um Ideal
Dirigido por:
  Daniel Barnz
Elenco: Maggie Gyllenhaal. Viola Davis
Duração: 2h01
Gênero: Drama
Duas mães lutam por uma educação melhor para os seus filhos e contra a decadência da escola local. Elas vão precisar enfrentar a burocracia e corrupção para fazer a diferença no futuro de suas crianças. [TELECINE]

A filha de Jamie, Malia, tem dislexia e a escola não oferece o suporte necessário para que ela aprenda. Na escola pública, com professores desmotivados, a menina começa a sofrer bullying. É então que a mãe começa a procurar alguma forma de melhorar o ensino da filha. Quando se encontra sem opções, ela se alia a professora Nona, que também quer uma escola melhor para seu próprio filho, e juntas começam lutar para convencer os outros pais e professores de que eles podem tomar conta da escola, se desvinculando de um sindicato que não liga para os alunos.

As duas mulheres começam a luta motivadas pelos próprios filhos, mas ao longo do filme a causa se torna maior do que isso e é perceptível o desejo delas de melhorar a escola para todas as crianças. E elas encontram muitas dificuldades pelo caminho, é difícil trazer mais gente para o lado delas.

Mas não só de luta é feito o filme – tem cenas muito bonitas da relação delas com os filhos e foram essas que me emocionaram bastante. Também vemos um pouco da vida amorosa das duas: o casamento de Nona que chegou ao fim, e o início do romance de Jamie com Michael, um dos professores que fica muito em cima do muro com essa ideia dos pais terem controle sobre a escola.

Achei que tanto a Maggie Gyllenhaal quanto a Viola Davis (que é sempre incrível, gente) estavam muito boas em seus papéis. Ambas passam a força e a vulnerabilidade dessas mulheres! Nessas cenas mais sensíveis eu chorei junto com elas. Ainda tem o Oscar Isaac (o crush) no elenco, como o interesse amoroso de Jamie, mas o personagem dele tava tão indeciso que acabou me irritando um pouco.

Apesar do assunto ser sério, esse filme me passou uma vibe Sessão da Tarde. Aqueles filmes de superação, sabe? Mas foi ótimo para passar o tempo e ainda ficou uma mensagem positiva – que quando queremos uma mudança, temos que correr atrás!

4 comentários:

  1. Acho que eu nunca tinha ouvido falar desse filme, acredita? Mas só por ter a Viola, já fiquei com vontade de assistir, essa mulher é incrível! haha adorei a resenha ^^
    Um beijão,
    Gabi do likegabs.blogspot.com ♡

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também nunca tinha ouvido falar dele, descobri no Netflix e o elenco me convenceu a assistir!
      Beijos!

      Excluir
  2. Não tinha ouvido falar do filme ainda, tem atrizes ótimas, então imagino que o filme seja bom mesmo!

    Beijos
    http://orangelily.com.br/

    ResponderExcluir