21.12.14

Intercâmbio - Parte 2


Sumi!
Entre outras coisas, meu trabalho da faculdade nesse semestre era mais exigente, e eu sendo a programadora principal do meu grupo, meu tempo ficou mais escasso. O sumiço valeu a pena, já que meu site foi aprovado pela banca avaliadora. :D
E agora que eu passei com um boletim bonitinho, posso voltar a me dedicar ao blog e finalmente tirar esse post dos drafts!

Ah, Nova York!
Eu e o pessoal do meu grupo já saímos do Brasil pensando em ir para lá. O plano inicial era irmos na sexta e voltarmos no domingo. Devido a compromissos com a escola, isso não deu certo e transformamos num bate e volta. Com pouquíssimo tempo na cidade, passamos uma tarde apenas montando nosso roteiro, vendo os lugares onde iríamos, o que ficava perto do que para economizar tempo, etc.
Ônibus era a melhor opção, então saímos às 2h da manhã de Washington, DC, chegando em Nova York às 6h. Pausa na rodoviária para o café da manhã, e logo fomos explorar.

Já tinha ouvido críticas ao metrô, e ao chegar lá, era bem o que tinham me falado. Ratos nos trilhos, a pintura do teto descascando, os bancos com lixo... Felizmente, o trem era moderno, com ar condicionado, as estações bem sinalizadas.


E quantas estações, hein? O mapa que eu tinha era gigaaante, o que até dificultava a consulta. Diversas linhas, com as mesmas cores... Descobri o que era a Linha Expressa do pior jeito, quando o trem que eu estava não parou na estação que eu ia descer. Mas depois não houveram mais erros de interpretação com o mapa, hahaha.

Um dia só foi pouco tempo, mas no final das contas, deu pra ver diversas coisas. Começamos pelo memorial do 11 de Setembro, que é no local onde ficavam as torres do World Trade Center. De lá, fomos pegar o ferry boat para ver a Estátua da Liberdade.


A estátua foi um pouquinho decepcionante porque estamos acostumados com a visão dela pra Manhattan, e quando chegamos lá, a paisagem era diferente, tinha o porto ali do lado...

O que eu achava que era vs. O que realmente é


Da Estátua da Liberdade, fomos andando pela Broadway. Vimos o cruzamento Broadway/Wall Street e o Charging Bull. E como era difícil tirar foto com esse touro, era muita gente em cima!


Andamos mais um pouco, e achamos um restaurante self-service. Imagina a felicidade ao ver um arroz, um purê de batata, carne... Um dia sem almoço fast-food!

Eu me separei do grupo pouco depois, pois decidi realizar um dos sonhos da minha vida e fui ver o musical Wicked! Depois descobri que acabei perdendo o Empire State Building, o Museu de História Natural... Mas não me arrependo não, foi uma das melhores experiências na minha vida.
Reencontrei com os meus amigos depois, já no Central Park.


E de lá, finalmente fomos para o nosso último destino: Times Square.


Foi só alegria, aquele momento "estou vendo algo que eu só vi em filmes"!!
E juro que o tanto de gente naquele lugar me lembrou a 25 de Março.

Tipo, tinha muuita gente mesmo...

 Entramos no M&M's World, na Toys "R" Us, na Disney Store (estava tocando Let It Go, e eu posso ou não ter cantado junto). Todas as lojas muito legais, o que nos custou algum tempo dentro delas.
No caminho de volta, ainda passamos pela Shubert Alley, o que me deixou muito feliz, porque, musicais!! :D


Lá pela meia noite fomos obrigados a voltar para rodoviária porque ninguém tinha mais pés para continuar andando. Estávamos exaustos, mas muito felizes!

Nova York é muito diferente de Washington. Na capital do país as coisas são mais calmas - as lojas fecham cedo; na vizinhança, as pessoas te cumprimentam quando te veem; passava um único ônibus na minha rua, sempre pontual; a paisagem é outra, sem os arranha-céus. Já a Big Apple me era familiar, tinha o mesmo ritmo rápido de São Paulo, a mesma coisa de não dormir nunca, a mesma sujeira nas ruas (e ei, como eu senti falta das ruas sem nenhuma sujeirinha de Washington!).
Em ambos os lugares, não posso dizer que as pessoas não foram simpáticas comigo, sempre que eu estava perdida alguém me ajudava.
Quando eu olho para as fotos, mesmo vendo que fiz e fui em vários lugares, ainda me bate um sentimento de "preciso voltar, por queria ter feito tal outra coisa".
Só espero que não demore muito.

4 comentários:

  1. Que sooonho! NYC <3 Morro de vontade de ir no Central Park. Imagino sua alegria.
    Que bom te ter de volta e acompanhar essa sua experiência. Vai ter mais post, né? Rs.
    Beijoooooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Central Park é muito bonito, Paula!! E vão ter mais posts sim, pode deixar!! ;)

      Excluir
  2. OMG! que sonho! sortuda demais você! kkkk.. beijos

    ResponderExcluir