18.9.14

Intercâmbio - Parte 1


Sumi, eu sei. Sequer avisei, porque na minha cabeça, eu achava que seria muito possível me manter ativa em todos os lugares dessa internet. Como é possível observar, não foi. Passava o dia inteiro fora, e quando chegava ainda tinha que fazer lição de casa, falar com a família... Não me sobrava tempo!
Apesar disso, eu quero deixar registrado aqui como foi essa experiência de passar um mês fora, em outro país. No fundo, eu tenho medo de esquecer.

Fui estudar inglês em Washington, DC e passei quatro semanas lá.

A Casa Branca, vista de dentro do Washington Monument, o obelisco.
  

HOMESTAY: A minha homestay, que tinha me deixado tão preocupada antes, era só uma senhora. Ela mora sozinha - bom, não exatamente, porque ela vive recebendo intercambistas de todo lugar do mundo. Durante o tempo que eu fiquei lá, passaram uma francesa e uma mexicana, mas infelizmente não fiquei muito amiga de nenhuma das duas. Meu relacionamento com a minha host grandmother era bom. Ela era uma fofa comigo e eu tinha muita liberdade, só precisava avisar caso não fosse jantar em casa.

ESCOLA: Eu passava a maior parte do dia na escola, estava numa classe de inglês profissional. E foi muito mais exigente e desafiante do que eu imaginava - além das lições de casa, tive que fazer um projeto e apresentá-lo no final.
Os professores e demais funcionários eram um amor (o cara da recepção me cumprimentava com "bom dia", em português mesmo!). Os alunos eram dos quatro cantos do mundo, e era muito interessante conhecer gente de outro lugar, que tinha uma cultura diferente. Eu e os outros brasileiros ficamos muito próximos de uma menina espanhola, e eu achava o máximo quando ela me contava da Europa. Apesar das diferenças culturais, meus colegas de grupo também fizeram amizade com um pessoal da Arábia Saudita, já que eles eram da mesma sala.
Quando minha aula acabava, já no começo da tarde, eu ia almoçar e depois saía com o meu grupo de intercâmbio para conhecer a cidade.

Mas como nem tudo é negativo... Não, é sim, porque o amor da minha vida ficou lá. Ô saudade desse milkshake de morango!!
COMIDA: A comida em geral foi uma das tristezas da viagem. Nos primeiros dias, foi só alegria, claro! No fim da primeira semana eu já não aguentava mais o cardápio de almoço, todos os restaurantes próximos só vendiam sanduíches, hamburguers, pizza ou algo semelhante. Nos dias em que eu jantava em casa, às vezes eu tinha um jantar mais decente, como carne e arroz - outras vezes acontecia de "O jantar hoje vai ser pizza, tem problema?". Não sei se foi só na minha família e na dos meus amigos, mas a ilusão de que o café da manhã americano era super pesado se desfez. Na maior parte dos dias era algo simples mesmo, como cereal, por exemplo. Às vezes aconteceu de ter waffles, muffins... E claro, foi lá que eu comi ovos com bacon no café pela primeira vez na vida, hahaha.

TRANSPORTE: "Vocês são do Brasil, não é? Ouvi dizer que o metrô lá é super moderno." Sim, me falaram isso, e sim, também é verdade! O metrô de São Paulo é mais moderno, mais barato e menos confuso que o de Washington. E também mais rápido - na primeira semana, eu cheguei a perder um metrô e estava toda "Tudo bem, eu espero o próximo". O problema é que o próximo só foi passar 15 minutos depois, e isso era frequente. Outro detalhe é que a passagem é cobrada por tamanho do trajeto e horário, por isso a parte do confuso. Mas não são só desvantagens: lá o transporte público é muito vazio. Muito vazio mesmo. Imagina conseguir sentar até no horário de pico? E os ônibus eram muito bons, com aquele ar condicionado e tudo, haha.   
A CIDADE: Ah, Washington é linda!
Peguei o verão, e olha, estava quente! Você sai do Brasil, mas o calor não sai de você. Não posso nem reclamar do clima, porque com o bom tempo que fazia era ótimo para conhecer a cidade. Anoitecia bem tarde, 20h30 ainda estava claro, porém, seis horas da tarde a maioria das coisas começavam a fechar (cheguei a ver restaurante fechado, às 18h!!) e lojas graaandes fechavam às 21h. Mas nada que a gente não se acostumasse...
Confesso que apesar de ser uma paisagem completamente diferente (todas as ruas organizadas, as calçadas impecáveis e sem sujeira, a arquitetura, sem arranha-céus, ...) eu ainda não tinha me sentido "Hm, estou mesmo nos Estados Unidos" em nenhum momento... Até eu ver o Lincoln Memorial.

Região próxima ao zoológico.
O Lincoln Memorial.
 











Acho que foi ali, eu vendo algo que eu só tinha visto em filmes, que começou a cair a ficha. Foi muito bom visitar os outros pontos turísticos da cidade, e agora toda vez que eu vejo Capitão América 2 alguma coisa que mostre Washington eu não consigo deixar de pensar "Eu estava lá!".

Achei a estátua do Einstein.
O Washington Memorial.












Além desses pontos conhecidos por todos, a cidade tem muuuitos museus e a maioria deles são uma graça, mas os meus favoritos foram o Madame Tussauds (porque né, necessário tirar foto com o Obama de cera, haha) e o Spy Museum (quem nunca quis andar num daqueles tubos de ventilação?).
Também fiz coisas que nunca tinha feito antes, como canoagem no rio, por exemplo! Foi tudo muito bom! Era maravilhoso acordar e já ir pensando na programação do dia.

Georgetown Cupcakes! Acho que tem até um programa sobre essa loja...
Os sapatos usados em O Mágico de Oz.
















Só de fazer esse post já fiquei com vontade de voltar! O que é um pouco engraçado, porque quando eu estava em Washington, me batia uma saudade de casa (na verdade, as primeiras semanas foram muito difíceis nesse quesito). Aí quando eu estava começando a me acostumar, já era hora de vir pro Brasil... E agora que estou aqui, me dá saudade de lá. Cadê o meio termo nessa situação?
No final das contas, foi uma ótima experiência e essas foram semanas que eu não irei esquecer!

Acabei me estendendo bastaaaante nesse post, por isso ele vai ser dividido em partes. A parte 2 vai ser sobre minha viagem a Nova York. :) Até o próximo!

2 comentários:

  1. Que experiência maravilhosa! Imagino sua saudade e suas aventuras. Tenho certeza que foi bastante enriquecedor. :D

    Beijoos
    comvistaparavida.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi muito bom mesmo, aconteceram tantas coisas nesses 28 dias!! :D
      Obrigada pelo seu comentário, beijos!

      Excluir